Seidel quer a compensação milionária da Suzano para Imperatriz

Durante a XI reunião ampliada do colegiado de deputados do Parlamento Amazônico, que aconteceu nesta quinta-feira, 27, o vereador de Imperatriz, Ricardo Seidel (Rede) usou a tribuna para comunicar o encaminhamento de dois ofícios de seu gabinete que trata de assuntos relacionados à Suzano Papel e Celusose e sua responsabilidade ambiental.

O vereador solicitou ao Ministério do Meio Ambiente que envie equipe técnica para fazer estudo da qualidade da água jogada no rio Tocantins pela Suzano. Também pediu para que essa equipe faça levantamento da qualidade do ar jogado na atmosfera através dos procedimentos de produção da empresa.

Em outro documento, este enviado à Assembleia Legislativa, Ricardo Seidel pede para que os parlamentares unam forças para que a compensação ambiental paga pela unidade de Imperatriz à Secretaria de Meio Ambiente do estado, no valor de R$ 10 milhões, seja para investimentos na área impactada.

Correio Popular

 
Usamos cookies para acelerar a navegação em nossas páginas. Clique na caixa ao lado.