Iniciada reforma do Mercado do Peixe

O Governo do Maranhão iniciou a reforma do Mercado do Peixe, na região conhecida como Portinho, em São Luís. Com o objetivo de modernizar o espaço e o tornar mais agradável para feirantes e clientes, a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) fará a readequação do local em duas etapas. Na primeira etapa, a Sinfra vai revisar a estrutura da cobertura metálica e de calhas pluviais, reformar os banheiros e refazer o piso em alta resistência, do tipo korodur (uma espécie de piso argamassado de grande densidade e elevada resistência à abrasão e a impacto frequentes).

Ainda durante a primeira etapa da obra, o revestimento externo dos boxes será recuperado, valorizando os pontos comerciais existentes no local. Também será feita a revisão da grade de proteção metálica, a recuperação do reservatório elevado, a pintura do reservatório elevado, a revisão das instalações hidrossanitárias e das instalações elétricas.

Já na segunda parte da obra, a proposta é construir uma praça garantindo a revitalização de todo o espaço que compreende o Mercado do Peixe. “O mercado terá uma estrutura e uma arquitetura renovada. Com isso, nós vamos melhorar o atendimento ao público e a qualidade no ambiente de trabalho dos feirantes. Essa intervenção é um sonho antigo, não apenas da comunidade que exerce atividade comercial aqui, mas de toda a cidade de São Luís e Região Metropolitana”, afirmou o secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto.

Mercado do Peixe

O Mercado do Peixe existe há 22 anos e possui 64 boxes instalados, o que garante mais de 200 empregos diretos. Apesar do lugar ter uma estrutura apta para a venda, no lado de fora da feira é possível observar pontos onde existem lama e lixo misturados, além da aglomeração de urubus. Há 20 anos no espaço, o vendedor João Sousa, 60, mais conhecido como Punim, aguarda com ansiedade a reforma. “Espero que melhore para a gente porque o mercado está precisando dessa reforma. Com a reforma, vai melhorar para nós e para os clientes”, comentou Punim.

Morador de São Luís há 52 anos, Joarez Cutrim, 80, vai toda semana ao Mercado do Peixe. Para o aposentado, a estrutura precisa de reforma nos dois ambientes: interno e externo. “Poderia melhorar, como o estacionamento do lado de fora e tinha que fazer um piso melhor também”, avaliou o morador.

Jefferson Sousa, foto de Júlio Ribeiro, Agência Maranhão de Notícia

 
Usamos cookies para acelerar a navegação em nossas páginas. Clique na caixa ao lado.